Bem-vindo à BOL. O nosso site usa cookies e outras tecnologias para personalizar a sua experiência e compreender como você e os outros visitantes usam o nosso site.
Para ver uma lista completa das empresas que usam estes cookies e outras tecnologias e nos informar se podem ou não ser utilizadas no seu dispositivo, aceda à nossa página de política de cookies.

Concordo
Distrito Sala
Detalhe Evento
Concerto de Câmara - Transmissão Online 26 mar 2021

Concerto de Câmara - Transmissão Online 26 mar 2021

Música & Festivais | Concerto

Sala Virtual TNSC

Online
Classificação Etária
Maiores de 6 anos
Bilhete Pago
Todas as Idades
2021
mar
26
Realizado

Duração

60 minutos

Promotor

OPART - Organismo de Produção Artística, EPE

Breve Introdução

TRANSMISSÃO ONLINE
26 de março às 21h

Concerto de Câmara

Antonio Vivaldi, As Quatro Estações, para violino solo, cravo e cordas

Astor Piazzolla (arr. Leonid Desyatnikov), Las Cuatro Estaciones Porteñas, para violino solo e cordas

A nossa espécie tem celebrado as suas mais importantes festividades, religiosas ou não, nos solstícios de verão e inverno e nos equinócios de outono e primavera - o desenrolar das quatro estações do ano permite-nos ver espelhada na Natureza a evolução da nossa própria existência. O campo da música não foi imune a esse fascínio. Inúmeros compositores - Haydn, Glazunov, Tchaikovsky, Verdi, para só alguns nomear - deixaram obras que têm as quatro estações do ano como referência imediata.
Talvez a mais popular de entre todas as visões musicais continue a ser a partitura de Antonio Vivaldi que abre o programa. Escrito na primeira metade do século XVIII, exemplo raro de música programática do compositor (que inscreveu ao longo da
partitura indicações como canção do pássaro, para os três solos de violino na primavera, ou bêbado, durante o primeiro andamento do outono), este célebre conjunto permanece como uma das mais amadas obras do prete rosso e um marco na
história da música barroca.
Saltaremos depois de centúria e de continente para atracarmos na Argentina da segunda metade do século XX com a obra de Astor Piazzolla, que reuniu um conjunto de tangos escritos autonomamente entre 1965 e 1970 para quinteto formado por violino (ou viola), piano, guitarra elétrica, contrabaixo e bandonéon. Estas Cuatro Estaciones Porteñas sofreram depois uma conhecida revisão para violino e orquestra de cordas terminada em 1998 pelo compositor russo Leonid Desyatnikov. Este estabeleceu uma mais evidente ligação à obra do compositor veneziano, até pelo facto de inserir constantes citações das
suas célebres Quattro Stagioni.

Ana Pereira, Violino e Direção Musical
Orquestra Sinfónica Portuguesa

Partilhar
Cartão São Luiz

Serviços Adicionais

Veja ainda: